sexta-feira, 31 de março de 2017

Bombeiros usam guindaste para combater incêndio nas Docas de Santana

Dois operários que trabalhavam no alto de um silo na Companhia Docas em Santana, foram surpreendidos com um princípio de incêndio em uma esteira a mais de 45 metros de altura. O vídeo do incêndio e do resgate, que aconteceram na tarde desta quinta-feira (30), foi exibido pela Rede Amazônica no Amapá nesta sexta-feira (31/03). 

O fogo começou durante um trabalho de solda feito pelos operários, onde o material entrou em contato com a parte de borracha da esteira, que acabou pegando fogo. 

O Corpo de Bombeiros chegou no local minutos depois e usou um guindaste da empresa para chegar ao topo do silo. Durante o resgate, parte da esteira despencou, mas nenhum dos operários ficou ferido. 

O incêndio foi controlado em pouco mais de 40 minutos de uma altura equivalente a um prédio de 15 andares. Os funcionários na esteira não contavam com extintor de incêndio.

Após o controle do fogo, o Corpo de Bombeiros informou que não houve danos à estrutura do silo, mas recomendou que a esteira seja substituída. 

Informações do G-1 Amapá

Diante da morte, estudante relata sobre acidente em frente ao IFAP

Estudante Caio Álvaro
Um adolescente como tantos da sua idade, que carregam em mente a ideia firme de serem independentes e crescerem dentro do mercado de trabalho. 

Com uma aparência de rapaz de poucas palavras, mas bem concentrado com suas respostas e objetivas, Caio Álvaro Guedes, de 17 anos, atravessou um dos momentos mais difíceis de sua vida no início da tarde da última sexta-feira (24/03), quando seguia com destino ao Campus do Instituto Federal do Amapá (IFAP), localizado numa das rodovias mais perigosas do Estado: a Duca Serra. 

Aluno do 2º ano do curso técnico em Marketing, Caio havia deixado sua residência – situada no bairro Paraíso, zona norte de Santana – no horário convencional de aula, no início daquela tarde, acompanhado de outros colgas de turma. 

Acidente em frente ao Campus IFAP de Santana
“Costumo ir de ônibus por achar um pouco arriscado andar naquele trecho da ferrovia que passa próximo da escola, é bem mais seguro andar de ônibus e bem acompanhado”, explicou o estudante. 

Apesar de buscar com toda cautela e segurança pessoal durante seu trajeto à entidade de ensino, Caio não escapou de ser mais vítima do trânsito desorganizado que o Poder Público procura não dispor para a sociedade. 

Ao desembarcar no ponto de ônibus que fica em frente ao IFAP (porém, do lado oposto à pista rodoviária), Caio atentou para o cuidado na ora de atravessar a Rodovia Duca Serra, diante daquele horário, considerado um dos mais movimentados e tensos pelos condutores. 

Caio retornou às aulas
“Olhei bem para os dois lados e percebi que tinha como atravessar, apesar de ainda está passando alguns carros”, detalhou. 

Apesar da atenção tomada para atravessar a pista, o estudante não escapou de ser inesperadamente surpreendido por uma motocicleta que vinha no sentido Macapá/Santana e tentava uma ultrapassagem indevida por um caminhão que chegou a ser visto por Caio.

“Vi quando o caminhão seguia pra Santana, mas não dava pra ver se tinha outro veículo bem atrás dele”, detalhou. 

Impacto inesperado
Segundo relatos de seus colegas (que testemunhavam de maneira assustada toda a situação), Caio foi atingido pela lateral, vindo a capotar por diversas vezes a uma distância de quase dez metros. 

“Machuquei bastante meu braço direito e o quadril, que ainda dói um pouco, mas nada que não fosse superficial”, pontuou. 

Estudante Caio ao lado da mãe Micy
O impacto entre o estudante e a motocicleta (que estava lotada por duas pessoas) congestionou de imediato o trânsito na rodovia que já registrou – somente em 2016 – mais de 160 acidentes ao longo de seus 27km de extensão. 

Comunicado
Outra pessoa que também acabou sendo pega de surpresa foi Micy Silva, mãe do estudante que, segundo a mesma, fazia poucos minutos que o filho havia deixado sua casa, em plena saúde e disposição física. 

“Uns 15 minutos depois que ele saiu de casa, alguns professores dele me ligaram falando do que tinha acontecido. Não pensei muito e fui correndo para o pronto-socorro”, contou a mãe, que tomou conhecimento que o filho havia sido levado em um carro particular para a maior unidade de saúde de Santana. “Disseram que não havia ambulância e levaram logo ele dentro de um carro”. 

Para Micy – que também tem problemas cardíacos e já passou por diversos tratamentos médicos correlatos – a notícia do acidente com o único filho que tem, lhe deixou mais apreensiva em relação ao deslocamento do estudante até para aquele Instituto, situado em um ponto de intenso movimento. 

“É um trecho muito perigoso e bastante complicado de atravessar por quem estuda lá”, descreveu Micy, que ainda acompanhou o filho acidentado para Macapá, foi precisou fazer outros exames detalhados, para verificar nenhuma sequela física deixada pelo ocorrido.

Providências
Cobrando que ações sejam tomadas o quanto antes naquele trecho da Rodovia Duca Serra (em frente ao IFAP), Micy e o filho Caio estiveram na noite dessa quinta-feira (30) na Câmara de vereadores de Santana, onde conversaram pessoalmente com o vereador Dr.º Fabiano sobre as melhoras do estudante. 

Vereador Drº Fabiano conversou com o estudante
Para o vereador, providências estão sendo cobradas das autoridades competentes há mais de dois meses, quando já se previa que acidentes comparados ao do estudante Caio aconteceriam. 

“Não é de hoje que estamos exigindo providências naquele local, principalmente no horário da noite, onde o trafego é bem mais intenso e arriscado. Agora é que cobraremos mais ainda depois desse acidente com o estudante”, garantiu o vereador. 

Para a mãe de Caio, a certeza de que algo será feito para evitar que episódios como esse – vivido pelo estudante – não se repitam, retira a sensação de insegurança materna que ela atravessou. 

“Ele é tudo que tenho de bom e ainda me preocupo demais quando ele vai para Escola. Sei do cuidado que ele toma, mas o trânsito dali que não é de confiança, mas acredito que algo será feito para controla-lo”, finalizou Micy.

quinta-feira, 30 de março de 2017

Mais de 60 personalidades santanenses recebem homenagem pela passagem do Dia Mundial da Juventude

O mandato da vereadora Socorro Nogueira (PT), que também é presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Municipal de Santana, realizou na manhã desta quinta-feira (30/03), uma solenidade em comemoração ao Dia Mundial da Juventude. O evento ocorreu no plenário da sede do legislativo santanense. 

Na oportunidade, a parlamentar prestou homenagem com certificado de honra ao mérito aos diversos jovens, lideranças, empresários e lideranças políticas e sociais que contribuíram ou continuam contribuindo para o processo de emancipação política e a conquista de mais direitos para a juventude. 

O ex-presidente do Grêmio Estudantil da Escola Estadual Barroso Tostes, Manoel Dário, um dos articuladores do evento, falou da importância da solenidade que aconteceu no Palácio Dr. Fabio José dos Santos, sede do poder legislativo municipal. 

“O objetivo do evento é homenagear a juventude que fez história no município de Santana e que contribuíram com o movimento estudantil e na luta da juventude”, lembrou Manoel Dário. 

Foram homenageadas sessenta e três personalidades nos segmentos estudantil, esportivo e cultural. 

Renan Santos, presidente da União dos Estudantes Secundários do Amapá (UECSA), disse que se sentiu lisonjeado com a homenagem prestada pelo mandato da vereadora Socorro Nogueira. 

“Sinto-me honrado em receber essa homenagem da Câmara de Santana, através do mandato da vereadora Socorro Nogueira. Isso me deixa feliz ao ser reconhecido”, disse Renan Santos. 

O ex-diretor da UECSA no início década de 1990, Marlus Carvalho, lembrou das mobilizações pelo chamado “Fora Collor” no Amapá e as lutas travadas pelo movimento estudantil para garantir o direito à meia-passagem na linha intermunicipal Santana/Macapá, onde estudantes foram alvo da repressão, mesmo com a redemocratização do país que ainda era recente. 

“Foi uma geração que se engajou para fortalecer a democracia e na conquista de direitos, que hoje alguns jovens nem imaginam que foram conquistados com muita luta e mobilização social”, discursou emocionado Marlus Carvalho. 

A vereadora Socorro Nogueira ressaltou a importância de homenagear as diversas lideranças que deram a sua parcela de contribuição, promovendo um verdadeiro encontro de gerações das décadas de 1990, 2000 e 2010. 

“As pessoas que em sua juventude contribuíram com a luta por mais direitos para os jovens como a Lei do Passe Livre, a Casa da Juventude, meia-entrada, precisam do reconhecimento público da importância que tiveram para história do nosso município,” enfatizou Socorro Nogueira. 

A vereadora Socorro Nogueira lembrou da importância do engajamento dos jovens que continuam se organizando e mobilizando para manter e conquistar novos direitos através das Políticas Públicas voltadas para a Juventude (PPJ´s). 

Ascom/Vereadora Socorro Nogueira

Às escuras: Passageiros e rodoviários reclamam da insegurança no Terminal de ônibus de Santana

Usuários do transporte público intermunicipal – além de trabalhadores do setor rodoviário da empresa Sião Thur (que opera na citada linha) – reclamam da escuridão em que se encontra o Terminal Rodoviário do município de Santana, localizado no bairro Nova Brasília. 

Construído há mais de duas décadas, o local passou por apenas uma reforma em toda sua estrutura física, o que visivelmente demonstra que a precariedade voltou a domina-la, oferecendo riscos de insegurança e falta de condições higiênicas e sanitárias no local. 

A única iluminação existente é observada pelas luminárias entorno da pequena praça do Terminal, que assim mesmo estão com algumas lâmpadas danificadas. 

“Depois das 19h, você se sente observado por qualquer bandido, por que não existe nenhuma luz interna ao longo dos bancos de espera, o que nos deixa amedrontados a qualquer momento”, explicou a acadêmica Luciana Fernandes, que utiliza de segunda a sexta o Terminal e revelou já ter sido assaltada no retorno da faculdade. 

“No ano passado, quando desci do último ônibus, por volta das 11h da noite, um rapaz puxou minha bolsa e saiu correndo, fiquei sem reação até pra gritar”. 

Horário de risco 
Ainda de acordo com os usuários, o perigo rondeia com mais força o local depois das 20h, quando o fluxo de pessoas é menor. Tanto que somente o posto fiscal da empresa Sião Thur é que ainda permanece aberto até às 22h. 

“O muro que separa a feira do Terminal serve como esconderijo para muitos desses assaltantes, tanto que não existe qualquer vigilante nessa área, isso é uma vergonha”, reclamou a doméstica Solange Machado. 

Além da doméstica, que utiliza frequentemente o transporte coletivo no local, os próprios profissionais lotados na empresa de ônibus que explora a linha, também temem o perigo que enfrentam, principalmente depois das 22h, quando fazem a última viagem do itinerário.

“Subimos e descemos dos ônibus com aquela sensação de que podemos ser atacados por alguém que pode está nos observando, isso se torna nos deixa traumatizado”, desabafou a cobradora Vanusa Pereira, que já foi vítima de dois assaltos durante o trajeto do ônibus onde trabalhava. “Você já carrega aquela insegurança e quando chega a um lugar desses (Terminal todo escuro) se sente com mais medo ainda”. 

Providências
Esta não é a primeira vez que o blog denuncia o descaso que se encontra o único Terminal de ônibus de Santana. 

Matérias produzidas em 2015 e até em 2012 comprovam que o problema se alastra há anos, se tornando um esquecimento para o Poder Público. 

Em contato com a Secretaria de Estado dos Transportes do Amapá (Setrap) – órgão responsável pela administração dos terminais rodoviários do Estado – informou que existe desde 2016 um Plano de Recuperação desses terminais, com recursos ainda a serem tratados, mas sem previsão de iniciar as obras de reforma desses pontos de passageiros.

quarta-feira, 29 de março de 2017

Moradores do Acquavile passam a ser atendidos por linha de ônibus urbana

Atendendo uma reivindicação dos moradores, a Prefeitura de Santana, através da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (STTRANS), colocou desde a última segunda-feira (27/03) a linha de ônibus do Elesbão para percorrer as principais ruas do loteamento Acquavile. 

O morador do Acquavile, Jayson Chagas, falou que a linha de ônibus vai suprir a necessidade do loteamento, que antes não contava com transporte coletivo passando no local. 

“Hoje, temos 240 famílias que moram aqui, sendo que algumas necessitam de transporte público para se locomover até o Centro de Santana”, ressaltou. 

O superintendente Josiney Alves explicou que anteriormente o ônibus que entrava no local era o que faz a linha para o Matapi. No entanto, para aperfeiçoar o tempo da viagem, foi constatado que seria mais viável que o ônibus da linha Elesbão fizesse essa rota. 

“Como o Matapi atende o Distrito Industrial, a Escola de Pesca e as instituições de ensino federal da Duca Serra, ficaria na contramão da viagem, por isso ficou decidido que quem fará essa rota será o ônibus que atende o Elesbão”, salientou. 

O ônibus que atende o Acquavile entra no bairro pela rua ao lado do Posto de Saúde da Piçarreira, na esquina com a rodovia do Delta. Em seguida, percorre o conjunto e retorna pra rodovia do Delta e prossegue na sua rota. 

No retorno entra e sai do Acquavile pela artéria ao lado do Posto de Saúde da Piçarreira e segue pela rodovia do Delta até o Matapi-Mirim e Elesbão.

Informações da Ascom/PMS

Com o TJAP, Camuf’s de Macapá e Santana debatem Plano de Ação contra violência doméstica

O Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP) trabalha em conjunto com a Secretaria Extraordinária de Políticas para Mulheres do Estado (SEPM) e os centros de atendimento à mulher de Macapá e Santana (CAMUFs) na construção de um Plano de Ação para combater a violência doméstica. 

O Plano pretende organizar todos os encontros, ações, cursos e palestras voltados para mulheres vítimas de violência doméstica a serem realizados pelas quatro instâncias em 2017. 

A iniciativa também avaliará a atuação da Justiça amapaense por meio do Núcleo de Mediação da Secretaria Extraordinária de Políticas para as Mulheres, instalado no último dia 21 de fevereiro. 

O trabalho desenvolvido por servidoras da SEPM, capacitadas pelo Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos do TJAP, utiliza técnicas de mediação, atendendo ao público com sessões conduzidas por profissionais treinados. 

“Os casos atendidos no Núcleo de Mediação são oriundos das delegacias de polícia, mas não só. As próprias mulheres que vivem situações conflituosas, procuram o Núcleo de forma espontânea, quando acham que ainda não é necessário acionar a polícia”, explicou a nova Secretária Extraordinária de Políticas para as Mulheres do Estado, Aline Gurgel. 

O Núcleo de Mediação e Conciliação funciona dentro da própria Secretaria Extraordinária de Políticas para as Mulheres, na Rua São José, nº 1570, Centro.

Dia do Trabalhador: Programação oferecerá atendimentos ao servidor santanense

Na manhã desta quarta-feira (29 de março), na sede do Sindicato dos Servidores Municipais de Santana (SSMS), ocorreu uma reunião entre a diretoria do sindicato e a coordenadoria de Cultura de Santana, na qual trataram do evento alusivo ao Dia do Trabalhador – anualmente comemorado no dia 1º de Maio – e que acontecerá nos próximos dias 29 e 30 de abril com uma vasta programação do SSMS em parceria com a Prefeitura de Santana. 

No dia 29/04 na sede do sindicato, a partir das 8h da manhã, acontecerá uma grande ação social com atendimentos: Médico, Odontológico, Fisioterapia, Massoterapia, Jurídico, Previdenciário, Corte de cabelo, Manicure e Pedicure. 

Já no dia 30/04 na área social do Sesi, localizado no bairro Daniel, haverá uma domingueira das 8h às 17h, com torneios de futebol, Vôlei, banho de piscina, feijoada, churrasco, refrigerantes, água mineral e show com música ao vivo para todos os servidores públicos municipais de Santana. 

“Ficou acertado também com o coordenador de Cultura Mário Brandão, que será elaborado um calendário com todas as datas comemorativas alusivas aos servidores públicos, para assim homenagearmos todas as categorias durante o ano, esta é uma parceria que busca a valorização do nosso servidor Municipal”, explicou o presidente do sindicato José Conceição.

terça-feira, 28 de março de 2017

Desabamento do porto da Anglo completa quatro anos

Tudo transcorria normalmente na área de embarque de minérios empresa-mineradora Anglo Ferrous em Santana, naquela virada de noite entre os dias 27 e 28 de março de 2013.

Segundo o relatório produzido pela empresa ao Ministério Público do Amapá (MP/AP), haviam cerca de 20 pessoas trabalhando nas áreas técnicas e operacionais, entre motoristas e operadores de guindaste.

De forma inesperada, um intenso barulho soou sob as águas do Rio Amazonas, jogando diversas embarcações (de pequeno e médio porte) a longas distâncias do cais frontal da cidade.

Na área interna da mineradora, caminhões, guindastes e mais de 200 mil toneladas de minério foram arrastado para dentro do Rio Amazonas.

Não houve vítimas fatais do lado de fora da mineradora, mas as vidas que foram ceifadas dentro dela jamais foram esquecidas.

Nomes como Pedro Coelho Ribeiro, Benedito Cláudio Lopes, Manoel Moraes de Araújo, Josmar Oliveira Abreu, Eglysson Nazário dos Santos e Maicon Clay Carvalho foram ditos constantemente pela imprensa local e nacional, pedindo punição à mineradora.

As buscas duraram pouco mais de dois meses (e mais dois dias), com outros cinco meses de investigações e várias perícias. Conclusão: as causas oficiais nunca foram divulgadas, mas vem sendo até hoje cogitada a tese física do excesso de peso em torno da área que desabou.

No final do mesmo ano, a Anglo repassou comercialmente a área acidentada para a Zamin Mineração que prometeu mudar a imagem negativa deixada pela antecessora. Puro engano.

A Zamin não cumpriu metade das promessas técnicas apresentadas ao então governador do Amapá Camilo Capiberibe, e saiu do Estado deixando mais de 400 pais de família com salários atrasados e um patrimônio sucateado.

E o que resta hoje? Apenas uma extensa área, abandonada, cheia de prédios sujos e saqueados, que registrou a sua pior fase no setor de exploração e exportação mineral na história do Estado.

No “Sermão da Montanha”, cantora Cassiane será atração principal em Santana

Confirmada presença da cantora Cassiane
No mês de abril acontece um dos eventos gospel mais esperados do ano. O tradicional “Sermão da Montanha” é um dos marcos já realizado anualmente pela Igreja do Evangelho Quadrangular do Amapá. 

Desde 2008, o evento ocorre nas proximidades da Semana Santa, reunindo milhares de pessoas em local público, onde são celebrados cultos de vida que simbolizam a ressureição do Senhor Jesus Cristo. 

“O encontro também conta com momentos de orações, apresentações e diversos louvores”, explicou José Mercúrio, um dos coordenadores do evento. 

Para quem não sabe, o “Sermão da Montanha” é um dos mais importantes textos bíblicos, que sintetizam os grandes ensinamentos de Jesus Cristo à humanidade, descrito no Livro de Mateus dos capítulos 5 a 7. 

O evento segue agora para a sua 10ª edição, e já faz parte do Calendário Cultural da cidade de Santana, com o propósito de receber esse ano mais 40 mil pessoas (de todas as idades), que deverão vir até de regiões adjacentes. 

O evento está confirmado para ser realizado no próximo dia14 de abril (numa sexta-feira), a partir das 19h da noite no Centro histórico de Santana. 

O endereço será no calçamento da Arena Esportiva Antônio Villela (conhecido “Villelão”), em frente à sede da Câmara de Vereadores do município.

segunda-feira, 27 de março de 2017

Secretária de Políticas para Mulheres se reúne em Santana e identifica prioridades

A Secretária Extraordinária de Políticas para Mulheres, Aline Gurgel, reuniu com a Rede de Atendimento a Mulheres (RAM) e vários movimentos da classe do município de Santana. 

A reunião ocorreu na Câmara Municipal do Município e garantiu um debate acirrado sobre o enfrentamento a violência contra as mulheres. 

Para Aline Gurgel, as reuniões com a classe são de extrema importância para a organização de políticas públicas. 

“A Secretaria está de portas abertas para todas as mulheres. Vamos correr atrás de toda a rede de atendimento para fazer um trabalho adequado e de qualidade”, disse Aline. 

Ela adiantou que será feito um calendário de ações e planejamentos estratégicos para o ano de 2017. 

“Vamos planejar com cada segmento, para que as ações tenham a luta de vocês e assim definir essas políticas públicas”, informou. 

A coordenadora de políticas públicas para as mulheres de Santana, Tina Sanches, agradeceu a presença da Secretaria no município e destacou a importância de que os projetos sejam concretizados. 

“Precisamos desse apoio do estado para que as políticas cheguem de fato à nossas santanenses. Tenho certeza que o planejamento será colocado em prática o mais breve possível”, afirmou.

Informações: Ascom/Governo do Amapá

Secretaria Municipal de Saúde esclarece sobre uso de carro oficial da PMS

O presidente da Comissão de Cadastro e Recadastramento dos Servidores Municipais, Abrahão Costa, informou nesta segunda-feira, 27/03, que o trabalho foi intenso durante o final se semana que passou, para que a atualização cadastral do funcionalismo público municipal começasse sem nenhum problema na Escola Estadual Barroso Tostes, no Centro de Santana. 

Essa primeira etapa do processo, que se estenderá até o dia 31 de março, será exclusiva para os servidores da Secretaria de Saúde. 

Para estruturar todo o processo que envolve a atualização cadastral dos seus servidores, a Prefeitura de Santana, contou, inicialmente, com o apoio da direção da escola Barroso Tostes, que cedeu as instalações do seu laboratório de informática, para abrigar os funcionários que estarão trabalhando no cadastro e recadastramento. 

Mesmo assim, a prefeitura teve que equipar o laboratório com mais mesas, cadeiras e materiais de expediente, que foram transportados por um veículo cedido no domingo (26), pela Secretaria de Saúde do Município (Semsa). 

Inclusive, esse mesmo veículo chegou a ser utilizado para o transporte do material de divulgação do processo, que foi confeccionado por uma empresa de publicidade, localizada na Rua Salvador Diniz, em frente à Casa Salem, no Centro da cidade, sendo que tudo que estava no seu interior pode ser encontrado no Laboratório de Informática da Escola Barroso Tostes. 

Ao abordar sobre o transporte de materiais e equipamentos no veículo da Secretaria de Saúde, o presidente da Comissão reforçou que se tratou de uma cessão temporária, em atendimento a uma solicitação da comissão. 

“É público e notório que a frota de veículos que atendia várias secretarias da prefeitura foi totalmente sucateada, só estando em funcionamento alguns automóveis da Secretaria de Saúde, isto porque a nova gestão se preocupou em recuperá-los, como foi o caso da pick-up utilizada no domingo pela comissão, o que não trouxe ônus para o município até porque até o combustível fomos nós que arcamos”, salientou Abrahão Costa. 

Ele finalizou ressaltando que o veículo da Semsa só é utilizado nos dias úteis, justamente por isso é que foi cedido para a Comissão.

Promotoria de Justiça de Santana realiza seminário internacional telepresencial

Almejando sempre o aperfeiçoamento nos seus serviços, o Ministério Público do Amapá (MP-AP), por meio do Núcleo de Mediação, Conciliação e Práticas Restaurativas da promotoria de Justiça de Santana, promoveu nos dias 23 e 24 de Março, como polo telepresencial à transmissão simultânea do Seminário Internacional de Justiça Restaurativa: diversos saberes dialogando para transformar realidades, realizado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo. 

O curso, com inscrições gratuitas, foi destinado em sua ampla realização para magistrados, membros do MP, gestores e técnicos da educação, segurança e Justiça do nosso País.

Organizado pela Coordenadora do NMCPR, promotora de Justiça Silva Canela, com o auxílio da juíza de Direito do Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP), Larissa Noronha Antunes, o seminário contou com a participação de representantes das escolas capacitadas pelo Núcleo de Mediação, Conciliação e Práticas Restaurativas – curso de facilitadores de círculos restaurativos, além dos voluntários e funcionários do NMCPR e demais interessados de diversas áreas (secretárias municipais, IAMPEM, TJAP). 

Para a promotora de Justiça Silvia Canela, o curso é um momento de aprofundar e afiar as construções de Justiça Restaurativa. 

“Quero agradecer a presença de todos, parabenizar os envolvidos na realização desse curso; espero e acredito que esse foi um momento ímpar na construção e aperfeiçoamento da Justiça Restaurativa. Com a Justiça Restaurativa nosso alcance vai além da punição e reparação de danos, vamos construindo uma sociedade de paz”, finalizou. 

A transmissão do seminário, em tempo real, é uma iniciativa da Escola da Magistratura do TJ-SP, coordenado pelos juízes Egberto de Almeida Penido, Marcelo Nalesso Salmaso, Vanessa Aufiero da Rocha, Erna Hakvoort e Eliane Cristina Cinto, por meio da Coordenadoria da infância e da Juventude; com o consulado Geral do Canadá em São Paulo e com a Secretária da Justiça e da Defesa da Cidadania.

Informações da Ascom/MP

Divulgada imagens do suspeito que depredou caixas eletrônicos do BB

Foi divulgada na manhã desta segunda-feira (27/03), as imagens registradas pelo circuito interno da área de autoatendimento da agência do Banco do Brasil, localizada na Avenida Castelo Branco, em Santana, que mostram detalhes da ação feita contra diversos caixas eletrônicos daquela agência na noite do último sábado (25).

De acordo com as imagens, um homem aparentando ter cerca de 35 anos, teria procurado a agência bancária por volta das 23:20h daquele sábado. 

Como a agência já estava fechada (seguindo determinação Federal de encerrar o autoatendimento nos terminais eletrônicos às 22h diariamente), o homem não se conteve com a situação que encontrou, e decidiu levar para o lado violento: com uma pedra, quebrou o cadeado metálico da porta principal de entrada da agência bancária, seguindo depois para os terminais de autoatendimento.

Utilizando de mais outra pedra (de médio tamanho), o suspeito adentrou na área de atendimento eletrônico da agência e foi depredando vários terminais, numa ação que durou pouco mais 4min (quatro minutos).

Segundo informações, o suspeito aparentava possíveis sinais de embriaguez quando invadiu a agência, porém, poucos detalhes sobre sua identificação foram divulgadas.

Somente nessa segunda-feira (27) que profissionais estiveram fazendo a perícia física do local, e o fato foi encaminhado à Polícia Federal para investigar e localizar o suspeito.

Desde o final de semana, o blog tentou contato com a assessoria de comunicação do Banco do Brasil, situado em Macapá, mas ninguém quis ainda se manifestar sobre o assunto.

No domingo, carro oficial da PMS é visto carregando mesas de eventos na carroceria

Circulou neste domingo (26/03) pelas redes sociais, um registro fotográfico de um veículo que, segundo informações, pertence à frota de carros oficiais da Prefeitura Municipal de Santana (PMS). 

De acordo com relatos de internautas, o veículo de marca L-200 está vinculado à Secretaria Municipal de Saúde de Santana e trafegava normalmente por diversas ruas e avenidas do Centro da cidade, chegando a ser carregado (em sua carroceria) de mesas e cadeiras usadas constantemente em eventos festivos. 

“Essa L200, que deveria ser usada por agentes de endemias e de saúde, serve para uso privado de cargos comissionados nomeados no governo Ofirney Sadala, quando deveria ser usado na prevenção de epidemias tomam conta dos bairros de Santana”, desabafou um internauta, pelas redes sociais. 

O citado veículo foi adquirido no final de 2012 pelo município com recursos federais, com o objetivo de servir aos profissionais voltados à área de endemias, que prestam serviços em campo e auxiliam nas campanhas de combate á Dengue, malária e no Programa Saúde da Família (PSF) aplicado nos atendimentos residenciais. 

Em meados do mês de janeiro passado – com poucos dias após assumir o cargo majoritário da cidade – o prefeito Ofirney Sadala anunciou providências a serem tomadas nos departamentos e setores administrativos da Prefeitura, onde atos disciplinares seriam tomados caso fossem detectadas negligências e irregularidades durante o regular funcionamento do serviço público municipal. 

O blog tentou contato direto com o secretário municipal de Saúde Dr.º Alberto Negrão para tratar sobre o assunto, mas o titular da pasta da saúde municipal não foi localizado.

domingo, 26 de março de 2017

Na Ilha, Produtor de polpa de frutas aguarda por energia elétrica há 07 anos

Produtor apresenta documentos em reunião
Uma situação incansável que o produtor rural Raimundo dos Santos Martins, de 62 anos, vem enfrentando se alarga desde 2010 quando solicitou à Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) que fosse instalado o fornecimento de energia elétrica para o seu terreno, onde ali desenvolve o plantio de diversas árvores frutíferas e a consecutiva produção de polpas de frutas que são comercializadas na área urbana de Santana. 

O produtor (também conhecido na região como “Seu Banana”) esteve participando de uma reunião pública na manhã desse sábado (25/03), na comunidade da Ilha de Santana, coordenada pelo vereador Dr.º Fabiano (PR), que debateu a situação precária que a localidade vem atravessando com as constantes interrupções do fornecimento elétrico.

“Comprei esse terreno em 2010 e na época não tinha energia no local, então solicitei logo a instalação de uma rede para me atender, mas informaram que o meu ramal era atendido por uma rede que pertencia à Eletronorte, e até hoje nada foi feito por lá”, contou o produtor. 

Reunião ouviu reclamação de moradores
Para não ficar fora do padrão convencional dos consumidores, seu Raimundo ainda chegou a ser concedido por uma instalação provisória, mas que segundo o mesmo, não é suficiente para suportar a carga utilizada pelos aparelhos e equipamentos que possui.

“Como são várias plantações que tenho lá como coco, açaí, banana e até mandioca, as máquinas que irrigam o plantio não conseguem ser atendida com a pouca energia que chega lá”, disse o produtor, que chegou a contratar o serviço particular de terceiros para tentar garantir a sua produção, porém, foi orientado a aguardar pelo atendimento da concessionária elétrica. “Tenho um transformador de 10KVA que precisa ser instalado nessa rede e com certeza isso melhoraria a minha produção, pois, tenho medo demais de perder essas plantações por causa desse problema da energia”. 

Justiça
Cansado de esperar, Raimundo decidiu recorrer às esferas judiciais, levando o fato ao conhecimento da Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público, da Cidadania e do Consumidor da Comarca de Santana, que emitiu um parecer em 2014 obrigando a CEA a atender o pedido de seu Raimundo dos Santos, pelo fato do mesmo desenvolver importantes atividades de produção agrícola e alimentar, podendo sofrer sérios prejuízos se caso não fosse resolvido seu problema o quanto antes. 

“Mesmo com uma ordem judicial, nem a CEA e nem a Eletronorte ainda fizeram algo pela minha energia, e eu continuo lutando para instalarem essa rede nova”, reforçou o produtor, que recebeu a garantia do apoio parlamentar do vereador Dr.º Fabiano. 

“Vou acompanhar detalhadamente essa situação e buscar a solução que ele precisa, pois sabemos que não possível que algum motivo foi criado para deixarem que isso se prolongasse até hoje, mas garanto que uma resposta positiva será trazida”, adiantou o vereador. 

Legislação
Segundo a Resolução Normativa n.º 414 de 09/09/2010 da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), estabelece as condições gerais de fornecimento de energia elétrica para todo o país, deixa dito que a efetivação de nova ligação de energia elétrica para consumidores da área rural é em até 05 dias. 

No caso do produtor rural Raimundo dos Santos, residente na Ilha de Santana, e possuir um projeto de eletrificação rural (que inclui posteamento e extensão de rede), o prazo se estende em até 45 dias para o início das obras, o que deveria ter sido concluído ainda no início de 2011. 

O blog tentou contato com a Assessoria de Comunicação da CEA, que informou que vai verificar a situação do produtor apenas na próxima semana.

sábado, 25 de março de 2017

Caixas Eletrônicos depredados: Agência do BB em Santana é interditada

Uma surpresa que o autônomo Marco Aurélio teve quando chegou na agência do Banco do Brasil de Santana no início da tarde deste sábado (25/03), localizada na Avenida Castelo Branco, no bairro Comercial da cidade.

Com um aviso estampado no vidro frontal do banco descrevia o possível motivo que outros clientes também não esperavam ver: Agência temporariamente interditada”. 

Com a porta de acesso trancada, era claro observar pelo vidro frontal que pelo menos seis (06) caixas eletrônicos da área interna da agência estavam com o visor de atendimento quebrados e alguns até com os teclados arrancados.

“E o pior que só temos dois terminais 24hs funcionando hoje na cidade, que estão com filas enormes, o que nos deixa sem saída para sacar dinheiro para alguma situação emergencial, é difícil assim”, lamentou o autônomo.

Informações colhidas pelas redes sociais relatam que testemunhas teriam avistado um grupo de suspeitos (na faixa etária entre 14 e 16 anos) nas proximidades da calçada de entrada da agência por volta das 4h da madrugada deste sábado (25), porém, não observaram barulhos que chamassem a atenção da vizinhança.

Eles estavam caminhando com garrafas na mão e ficaram um bom tempo sentado no canto da agência, mas não percebi se chegaram a entrar”, relatou uma pessoa, pelas redes sociais.

O blog tentou contato com a agência bancária, mas um funcionário (que preferiu não se identificar) não informou detalhes da situação, mas adiantou que uma perícia deverá ser feita no início da semana que vem, para assim ser liberado o atendimento novamente.

sexta-feira, 24 de março de 2017

Sem sinalização, Rodovia Duca Serra faz sua 1ª vítima em frente ao IFAP

Na tarde desta sexta-feira 24/03, um jovem estudante do Campus do Instituto Federal do Amapá (IFAP), ficou gravemente lesionado ao ser atropelado por uma motocicleta que transitava pela Rodovia Duca Serra, trecho na qual fica localizado o Instituto. 

De acordo com informações, o estudante descia de um coletivo (ônibus) da linha intermunicipal quando foi atingido por uma motocicleta que ia no sentido Santana-Macapá.

Após o acidente, o rapaz foi socorrido às presas para o Pronto Socorro de Santana, onde recebe cuidados médicos. 

A falta de sinalização na extensa Rodovia Estadual Duca Serra – principalmente no perímetro do IFAP – vem sendo denunciado há meses pelo vereador Dr. Fabiano (PR), que inclusive já protocolou ofícios na Secretaria de Transportes do Amapá (Setrap), cobrando faixa de pedestres para o local. 

“Fizemos indicação a Setrap para providenciar sinalização, mas até agora nada foi feito. Por várias vezes já denunciamos essa problemática, ou seja, esta tragédia anunciada. Portanto, mais uma vez, deixamos aqui o nosso apelo”, denunciou o vereador, Dr. Fabiano.

Matadouro que armazena carne imprópria para consumo humano é inspecionado

Na última terça-feira, 21/03, o Ministério Público do Amapá (MP-AP), por meio da Promotoria de Defesa do Meio Ambiente, Habitação e Urbanismo da Comarca de Santana, em conjuntou com o Batalhão Ambiental e Delegacia Especializada em Crimes Contra o Meio Ambiente (DEMA), inspecionou o Frigorífico-Matadouro Braga, localizado no município de Santana, que utiliza carne embargada para consumo humano para fabricação de ração. 

A inspeção ocorreu após a prisão em flagrante de um funcionário do referido Frigorífico furtando 88 caixas de frangos estragadas, que seriam processadas e transformadas em ração. 

Desta forma, para averiguar se o estabelecimento possui licença de operação para receber e armazenar produtos dessa natureza foi realizada a inspeção sanitária e ambiental do local. 

Segundo o promotor de Justiça Adilson Garcia, um relatório de inspeção será elaborado por técnicos e peritos que participaram da ação. 

“Os peritos da Politec, DEMA e técnicos do Batalhão Ambiental irão elaborar um relatório de inspeção, que será encaminhado a esta Promotoria de Justiça. Caso seja apontada alguma irregularidade, serão adotadas as medidas administrativas, cíveis e criminais cabíveis”, ressaltou.

Escuridão: Ilha de Santana chega a ficar 8hs sem energia elétrica

Localidade vem sofrendo com os "apagões"
Dezenas de moradores que residem no distrito da Ilha de Santana estão indignados com a situação vivida pela precariedade no fornecimento de energia daquela localidade, situada bem em frente à cidade de Santana. 

Segundo os reclamantes, a energia que chega em suas residências é bem fraca, o que gerando prejuízos incalculáveis, tanto para as moradias quanto para os comércios e instituições públicas ali existentes. 

O problema vem se prolongando desde o último dia 16 de março, quando chegaram a ficar até 8hs consecutivas sem energia elétrica, acumulando perdas alimentícias. 

“Não adianta fazer uma compra grande por que a falta de energia é imprevisível por aqui, se a gente vacilar fica mais de 5 a 6hs no escuro”, disse a comerciante Maria do Socorro Almeida, que calculou uma perda de mais de R$ 600 em mercadorias (produtos relacionados sorvetes, picolés e frangos congelados). 

De acordo com o comerciante, a localidade era atendida por uma equipe exclusiva da Companhia de Eletricidade do Amapá (CEA) até o início do ano, mas foram todos demitidos, deixando a localidade sem atendimento imediato quando o problema acontece.

Localidade já teria ficado até 8hs no escuro
“Fazemos várias ligações para o plantão da CEA e só dizem que vão resolver e não acontece isso”, afirma a comerciante. 

Entidades prejudicadas
Além dos prejuízos contabilizados ao comércio local, tem também existem as entidades públicas que sofrem com os constantes “apagões”, deixando os funcionários de duas escolas (uma estadual e outra municipal) e do posto de saúde local preocupados com a situação. 

“Os alunos são obrigados a voltar para casa mais cedo devido ao calor que sentem dentro das salas de aula, isso sem deixar de falar na questão de medicamentos que não estão podendo ser armazenados no posto com receio de sofrerem danos térmicos, justamente pelo fato de ficar havendo essa alteração de temperaturas causado pela falta de energia na ilha”, comentou o agente de saúde Marco Antônio, que já precisou se deslocar com urgência para dentro da área urbana de Santana, carregando caixas de isopor com soros que solicitam da conservação térmica. 

“Vários documentos já foram emitidos e enviados pela prefeitura para a CEA, explicando essa questão prioritária da refrigeração dos medicamentos, e até agora não recebemos nenhuma resposta desse ofício”, completou. 

Diversos contatos foram efetuados com a assessoria de comunicação da CEA nesta quinta-feira (23), mas não obtivemos êxito. 

Audiência: Vereador quer debater situação
Audiência Pública
Moradores da Ilha de Santana estão sendo convidados para uma audiência pública está agendada para acontecer neste sábado (25/03) na localidade, sob coordenação do vereador Drº. Fabiano, na qual pretende tratar sobre essas constantes falhas no fornecimento de energia elétrica na região. 

“Com mais de 10 mil habitantes, a comunidade da Ilha vem sofrendo há tempos com a problemática de falhas na energia elétrica dispensada pela Companhia de Eletricidade do Amapá, principalmente a noite, que por várias vezes, a região fica às escuras, sem qualquer tipo de iluminação pública”, comentou o vereador. 

A audiência está marcada para começar às 10h da manhã, na sede da Igreja Quadrangular, localizada na Rua Matapi.

quinta-feira, 23 de março de 2017

Sem água há dois dias, pacientes reclamam das condições que atravessam no Hospital de Santana

Pacientes internados na maior Unidade de Saúde pública de Santana alegam estarem atravessam por momentos difíceis, tudo em razão da falta de água no local que, segundo os mesmos, desde a noite da última quarta-feira (22/03) estão providenciando pelo produto através de fornecimento externo. 

“Uma vergonha não ter uma gota de água nesse hospital. Minha mãe precisou comprar mais de dois garrafões custando até R$ 12, o que é obrigação do Estado”, assim desabafou uma paciente através das redes sociais sobre a situação. 

O blog tomou conhecimento de que uma bomba indutora de 6HP – responsável pela sucção da água para o Hospital de Santana – apresentou problema nessa quarta-feira, obrigando a diretoria do Hospital a providenciar outra bomba, porém de potência menor que vem apenas suprindo a demanda emergencial do local. 

“Pela manhã dessa sexta-feira (24) já estaremos corrigindo o retorno da antiga bomba e com certeza normalizar o fornecimento de água para todo o hospital”, garantiu o administrador do hospital.

Durante averiguação de roubo, PM é gravemente atacado por Pit Bull

O fato ocorreu na noite dessa quarta-feira (22/03) na Avenida Princesa Izabel, no bairro Fonte Nova. 

De acordo com informações da Polícia Militar do Amapá, uma viatura do 4º Batalhão da PM de Santana foi acionada por volta das 22hs para averiguar uma situação de roubo de uma bicicleta no final da Avenida Princesa Izabel, juntamente com a vítima do fato. 

Ao chegar no local, localizado numa vila conjugada de quartos (kit-net), os agentes policiais averiguaram a existência de uma bicicleta similar com a descrição passada pela vítima do furto. 

Após inspecionarem o local e estarem se retirando do local, foram surpreendidos por um cão da raça Pit Bull, que foi solto por uma pessoa de nome Renan Souza da Silva, de 22 anos, que alegava insistentemente que não havia pessoas de má-índole residindo naquele conjunto. 

Direcionado pelo dono, o cão avançou sobre o braço direito do Sargento Wendel Russo Corrêa (conhecido como SGT Russo) que foi jogado ao chão pelo animal, ficando gravemente ferido com várias mordidas. 

Evitando que o pior acontecesse – pelo fato do cão ainda está agindo sobre o policial – foi disparado um tiro de arma de fogo no animal, como forma de cessar os ataques. 

Ferido, o Sargento da PM foi imediatamente encaminhado ao Hospital de Emergências de Santana para atendimento médico. 

O dono do animal, Renan Souza, foi preso após outra viatura comparecer ao local do fato e enquadra-lo pelo crime de lesão corporal, sendo o mesmo levado para a 1ª Delegacia de Polícia de Santana.

quarta-feira, 22 de março de 2017

Circular: Novo itinerário de ônibus para atender Distrito Industrial

A Superintendência de Transporte e Trânsito de Santana (STTrans), colocou em circulação a nova linha de ônibus do município para atender os moradores do Distrito Industrial e das margens do Rio Matapí. As atividades da frota iniciaram na última segunda-feira (20/03), e conta com viagens pela manhã, tarde e parte da noite. 

De acordo com o superintendente da STTrans, Josiney Alves, a implantação da linha foi uma determinação do prefeito Ofirney Sadala, por detectar que muitas pessoas do Distrito Industrial e das margens do Rio Matapi tinham que se deslocar a pé até a Duca Serra para pegar o ônibus ou então usar o transporte clandestino. 

“Agora, com essa nova linha, eles poderão se deslocar até Santana com o máximo de conforto, segurança e pagando R$ 1,75 pela passagem”, destacou o superintendente. 

Por enquanto o fluxo de passageiros é considerado baixo, uma vez que a linha está nos seus primeiros dias de implantação, mas a expectativa é de que o número de passageiros aumente ao longo desta semana. 

Ainda segundo Josiney Alves, a nova linha tem como itinerário: Distrito industrial, Rodovia Duca Serra, Rua Everaldo Vasconcellos, Av. Princesa Isabel, Rua Salvador Diniz, Av. Santana, Porto, Rua Cláudio Lucio Monteiro; passa em frente ao Fórum, entra na Vila Amazonas, retorna à Rua Cláudio Lucio Monteiro, percorre a Pastor Sozinho (rodovia Salvador Diniz), passa em frente ao Hospital de Santana, da Biblioteca Municipal, segue pela Rua Ubaldo Figueira, Av. Princesa Isabel, Rua Everaldo Vasconcellos, Rodovia Duca Serra até o Distrito do Matapi. 

Responsável por guardar as embarcações do Rio Matapi, o senhor José Maria de Abreu, falou que a implantação da linha vai resolver o problema de transporte na região. “A demanda é grande, agora basta que a população se habitue com essa nova linha”, ressaltou.

terça-feira, 21 de março de 2017

Camaro: Presente de vereador à esposa viraliza nas redes sociais

Presente do vereador à esposa repercutiu
Um dos assuntos mais comentados nas últimas 24hs nas redes sociais foi um veículo que um vereador santanense deu à sua esposa, na qual, segundo as fotos publicadas em perfis e vista por inúmeros internautas, chegou a ultrapassar mais de 30 compartilhamentos em um desses usuários. 

Segundo a postagem que circulou nesta segunda-feira (20/03), o vereador Genival Oliveira (PMB) presenteou a esposa Clara Oliveira com um Camaro, considerado um dos carros mais luxuosos e caros da classe média social, o que despertou dezenas de comentários na internet, entre críticas e quem tivesse ao lado da presenteada. 

“Agora as honras viram em vida. Presente dela. Tava devendo um mimo. Clara Do Genival minha parceira em tudo”, assim descreve na postagem publicada no perfil do vereador que, em poucas horas, já havia criado uma grande repercussão sobre o assunto. 

Entre os comentários postados, os questionamentos se misturaram entre críticas e opiniões favoráveis. 

Camaro seria usado
“Vereador, nada contra o senhor comprar um Camaro, recebe um bom salário pra gastar como bem entender. Mas você não acha um pouquinho exagerado comprar um Camaro com apenas 03 meses de mandato?”, comentou um internauta, relacionando a compra do veículo sobre a postura do vereador ainda está iniciando a gestão no legislativo. 

Porém, diferente de outros que apoiaram a atitude do vereador: “Certo está sendo o vereador em presentear o maior tesouro que ele possui ao seu lado, a sua esposa e companheira. Sortuda é ela e vencedora”, comentou outra internauta. 

Para vários internautas, a compra de um Camaro novo (0km) não sairia por menos de R$ 300 mil, porém, sendo variado de acordo com o fornecedor. 

O blog procurou na manhã desta terça-feira (21) uma das concessionárias mais conceituadas do Amapá para buscar informações sobre o preço de um carro dessa marca, que recebeu a seguinte informação: 

“Tem carro dessa marca que pode passar dos R$ 400 mil, mas tem aqueles com preço mais em conta que chegam a R$ 100 mil se for usado e até negociado em suaves parcelas, vai depender muito do gosto do comprador”, explicou o revendedor Edinei Ferreira, que trabalha numa concessionária em Macapá. 

Vereador Genival Oliveira e a esposa Clara
Diante da incalculável repercussão que o assunto tomou, a esposa do vereador usou de seu espaço em uma rede social para explicar a aquisição do veículo: 

“Bom amigos, a quem se interessar: sobre o presente que ganhei: EU TINHA UM HONDA CIVIC, meu esposo Genival TINHA UMA VAM e um terreno. Meu esposo vendeu o Honda, a VAM e o Terreno e comprou o CAMARO: Não é zero km, mas foi comprado com dinheiro honesto é fruto de trabalho. Então Glória a DEUS poderoso que vem nos abençoando. EU ACREDITO NO PODER DA ORAÇÃO em COMUNHÃO. Esse carro veio com o pedido de casamento. Amei e em primeira mão AMORa resposta é sim. Caso com você. Vamos legalizar nossa união em nome de Jesus Cristo. Que o senhor Nosso Deus abençoe cada um de vocês e que um dia vocês possam receber as vossas petições ao Deus pai poderoso”, justificou Clara. 

O blog tentou contato direto com o vereador Genival Oliveira – através do seu gabinete parlamentar e pelas redes sociais – mas o mesmo não foi localizado.

‘Novo Amapá’: Peça teatral lembra 39 anos do naufrágio com poesia e homenagens

Os 39 anos do maior naufrágio do estado serão lembrados com poesia e homenagens no espetáculo "Novo Amapá", que acontece no sá...