Uma centenária que atravessou várias gerações, revela o segredo de uma vida longa: “Sempre com Jesus!”

“Esse é o meu último aniversário”, assim comentava de modo sátiro e brincalhão, a aposentada Maria Ferreira Rodrigues, para os alguns amigos e parentes que compareceram na noite desse sábado (22/07) à sua casa, no bairro Nova Brasília, indo parabeniza-la pela passagem de mais um ano de vida, porém, não sendo uma idade qualquer, mas sim, ao seu centenário. 

O tempo pode ter envelhecido a pele de “dona Maria” (ou “vó Maria”, como é carinhosamente chamada por muitos), mudou a cor dos seus cabelos, mas não foi capaz de tirar o brilho de seus olhos, a alegria, a perseverança, a sua autoestima, vontade de viver e de ainda mais, de conversar enquanto puder se manter de pé, sem a ajuda de ninguém. 

Completando 100 anos de idade, dona Maria Rodrigues ainda demonstra muita vitalidade e bom humor. 

Os familiares afirmam que ela segue uma rotina de cuidados com sua saúde, mantendo seus próprios horários para alimentação e de descansos. 

Alguma regra de rotina? Nenhuma. Segundo os familiares, bem pouca coisa a aposentada deixou de consumir, e mantém hábitos da alimentação regional, entre eles, o tradicional açaí. 

Quando questionada sobre o grande segredo de uma longevidade, responde com firmeza: “Tendo sempre Jesus em seu caminho, assim que eu ainda estou de pé”. A frase sai acompanhada por um leve sorriso. 

Aos poucos, a centenária foi se soltando durante a modesta recepção feita para comemorar a data, relembrando pessoas que atravessaram por sua história e tantos que ainda seguem ao seu lado. 

“Tive cinco filhos e vi muita coisa que essa vida me mostrou, coisas que dão tempo de contar e muita coisa que não daria tempo de contar tudo”, disse emocionada dona Maria, que reside atualmente com três netos e bisnetos. 

Para a ocasião da data, além da recepção realizada em sua própria residência, um representante da Igreja Evangélica Assembleia de Deus da cidade de Santana também esteve presente nas comemorações, proferindo um atento discurso de congratulações à data e aos feitos realizados pela aniversariante. 

Aniversariante cercada de parentes e amigos
“Quem conhece a história de dona Maria, sabe a luta que ela já viveu, sabe os testemunhos que ela carrega”, comentou o pastor Gregório, que continuou: “Mesmo já não aquela vitalidade de antes, ela continua firme com Deus, tomando a Santa Ceia todo o mês e acompanhando a Palavra de Deus”. 

Após a Palavra proferida em ação de graças à aniversariante, parentes e convidados brindaram a data com um jantar especial. 

Maria Ferreira é amapaense nascida no dia 22 de julho de 1916, sendo que foi casada apenas uma vez, com quem teve cinco filhos (tendo hoje três vivos). 

Reside em Santana há mais de seis décadas, sendo que já morou em áreas que hoje são bairros da cidade, como Vila Daniel, Vila Amazonas, Centro e hoje morando no bairro Nova Brasília.

Comentários

Postagens mais visitadas