Caesa notifica sobre cortes no fornecimento de água em Macapá e Santana

A Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa) vem intensificando as notificações de corte nas residências e estabelecimentos comerciais em Macapá e Santana, com contas em atraso. 

O trabalho é parte do esforço da instituição para incentivar a negociação dos valores devidos para garantir a prestação do serviço. 

De acordo com a diretora comercial da Companhia, Magaly Xavier, essas notificações se aplicam aos usuários que acumularam débitos ao longo dos meses e também em anos anteriores, que não buscaram regularizar junto à Caesa. Ela explica que as notificações estão sendo feitas diariamente pela equipe do setor de corte e religação. 

“Estamos dispostos a negociar e parcelar dívidas daqueles que buscam nosso atendimento, mas não podemos deixar de notificar, que também é uma forma de convocar este usuário para evitar o corte, que é a última alternativa. O serviço de corte já ocorre diariamente, mas deveremos intensificar nos próximos meses”, explicou. 

Parcelamento
Uma das formas de regularização é o parcelamento, que pode ser feito mediante a entrada de 10% referente ao valor do débito. Dependendo do valor devido, a dívida pode ser dividida em até 50 vezes. 

O pagamento também pode ser feito no cartão de crédito. Porém, a dívida só poderá ser parcelada em até seis vezes sem juros. 

Para os que já fizeram o parcelamento e estão com valores pendentes, é preciso pagá-los para que seja feita uma nova proposta de negociação desta dívida. 

A Caesa também dispõe um horário especial para atender o usuário, no horário das 8h às 18h, no prédio central da Companhia, localizado na Avenida Ernestino Borges, nº 222, no Centro de Macapá.

Comentários

Postagens mais visitadas