Justiça Presente: Macapá e Santana ganham Núcleos de Conciliação e Mediação

A Justiça do Amapá inaugurou na manhã desta terça-feira, 21/02, três Núcleos de Conciliação e Mediação no Centro de Atendimento à Mulher de Santana, Centro de Atendimento à Mulher de Macapá e na Secretaria Extraordinária de Políticas Públicas para Mulheres, respectivamente. 

A iniciativa é mais uma etapa de capacitação das equipes que trabalham na rede de atendimento à mulher que passaram pelo Curso de Mediação e Técnicas Autocompositivas, de forma a melhor atender mulheres que buscam assistência nesses locais. 

A Secretária Estadual de Políticas Públicas Para as Mulheres, Silvanda Duarte, disse que os Núcleos de Mediação são um importante instrumento no atendimento às mulheres vítimas de violência doméstica. 

“Em muitas situações conflitivas que vemos no atendimento diário em nosso ambiente de trabalho, percebemos que é possível conciliar, e o nosso objetivo é melhor atender essa demanda. Nos Núcleos de Mediação temos ferramentas que além de desafogar o Judiciário nos permitem a resolução responsável de muitos problemas”, ressaltou a secretária. 

A delegada adjunta da Delegacia de Crimes Contra a Mulher (DCCM), Daniela Rocha, participou do curso promovido pelo NUPEMEC e afirmou estar muito certa que o Núcleo ajudará efetivamente na diminuição dos conflitos domésticos e também nas infrações de ação penal privada como danos, injúrias, ofensas morais e ameaças. 

“A intenção maior da conciliação é reestruturar entes familiares e dar ênfase na manutenção da harmonia, conscientizando o conjunto familiar das boas posturas e formas de resolução de conflitos dentro de casa e perante os filhos”, declarou. 

De acordo com a coordenadora do Camuf de Santana, Adriana Duarte, o número de atendimentos no Camuf é considerado expressivo para o segundo município mais populoso do Estado, e “com esse novo Núcleo de Mediação de Conflitos a tendência é melhorar e aprimorar esse atendimento, tendo em vista que todos os profissionais que trabalham aqui foram capacitados pelo NUPEMEC e estão preparados para realizar um bom serviço na busca de resolução consensuada dos conflitos no âmbito familiar”. 

O Camuf de Macapá e de Santana realizam um relevante serviço de atendimento à mulher e à família, especialmente quando ocorrentes históricos de violência doméstica. Nesses Centros, a mulher e a família recebem atenção psicossocial e jurídica, auxiliando na reformulação positiva de atitudes e propósitos futuros. 

Nas inaugurações dos Núcleos de Conciliação e Mediação estiveram presentes: a secretária Estadual de Políticas Públicas para as mulheres, Silvanda Duarte; a Secretária do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos – NUPEMEC/TJAP, Sônia Ribeiro; a delegada adjunta da Delegacia de Crimes Contra a Mulher (DCCM), Daniela Rocha, a Juíza Joenilda Lenzi, titular da 3ª Vara de Família de Macapá; Adriana Duarte, Coordenadora do Camuf Santana, Patrícia Palheta, Coordenadora do Camuf Macapá, a Delegada Titular da Delegacia de Crimes Contra a Mulher de Santana, Maria Leida Borges de Souza e o Delegado Adjunto, Edmilson Ferreira.

Informações do TJAP

Comentários

Postagens mais visitadas