Sem concorrente, única chapa sindical é aclamada vencedora em Santana

Antônio Mesquita, novo presidente do SSMS
Mesmo diante das diversas controvérsias ocorridas nos últimos dias com relação à campanha para a eleição da nova diretoria do Sindicato dos Servidores Municipais de Santana (SSMS), o referido processo eleitoral acabou sendo realizado durante todo o dia desta quarta-feira (17/06). 

A sede sindical do SSMS, localizada no bairro Paraíso, em Santana, esteve com suas portas abertas recebendo seus sindicalizados que vieram apenas confirmar sua participação no certame, apesar de haver apenas uma chapa que estaria legalmente concorrendo na disputa. 

“Reconhecemos que tivemos uma eleição conturbada, apesar de ter iniciado com duas chapas, mas por um deslize da comissão eleitoral, a outra chapa se inscreveu após o prazo de inscrição, daí recorremos à justiça que nos deu causa favorável”, justificou o presidente eleito Antônio Mesquita para a imprensa, minutos após o encerramento da realização do pleito. 

Polêmicas
O novo presidente do SSMS lamentou o fato de terem criado inúmeras polêmicos sobre sua prestação de contas, onde alega que todos os procedimentos legais foram tomados para nada fosse questionado publicamente. 

“Tenho como provar que todos os gastos que a atual gestão fez estão bem esclarecidos, tanto que tenho tudo em notas fiscais reconhecidas em cartório”, disse Mesquita, que sentiu-se desagradado com os boatos que foram espalhados pela cidade, envolvendo familiares de membros da nova diretoria. “Tudo fizeram para atingir nossa, claro que muita não tiveram como provar, tanto que espalharam boatos difamando a família do companheiro Conceição (atual presidente da SSMS que repassará o cargo para o novo presidente eleito), mas de nada adiantou”, continuou. 

Segundo a comissão eleitoral, o fato de não haver outra chapa sindical para concorrer não impediu que o processo de eleição fosse desenvolvido, procedendo com o ato eleitoral como rege no Regulamento Interno e posteriormente aclamando como vencedora a única chapa concorrente, o que acabou se concretizando nesta situação. 

Alguns membros da nova diretoria
Propostas Sindicais
Entre as questões judiciais que o sindicato vem acompanhando, como forma de garantir benefícios ao servidor público municipal de Santana (como as progressões e reformulações de planos de cargos e carreiras), a nova diretoria garante a realização de outras ações institucionais, sociais e esportivas. 

“Já estamos buscando condições de retomar com uma sede campestre para o lazer do servidor, assim como planos de saúde e assistencial, com direito até realizarmos projetos sociais para os servidores, como campeonatos de futebol, assistência jurídica, tratamentos estéticos e cursos profissionalizantes”, garantiu Mesquita, que reiterou a proposta de criar um site que informe publicamente sobre os gastos feitos pela entidade. “Ainda este ano vamos criar o Site da Transparência para que o servidor possa acompanhar todos os nossos gastos e saber como estão sendo aplicados as suas contribuições sindicais”. 

Além de Antônio Mesquita como presidente, a nova diretoria também está composta por José Conceição (vice-presidente) que já esteve na chefia sindical da instituição nos últimos dois mandatos, contando com Maria Josiani (Secretária Geral), Manoel do Espírito Santo (diretor de Finanças), Ronaldo Castro (Comunicação), Richardson Xavier (Assuntos Jurídicos), Miraci Azevedo (Assuntos Sociais), Mauro Sérgio (Gestão Permanente de Carreira), Miracléa Cavalcante (Gestão Educacional), Gean Carlos (Gestão da Saúde), Marlon Wirllem (Gestão em Cultura, Esporte e Lazer), e Marco Antônio (Gestão Patrimonial).

Comentários

Postagens mais visitadas