Das redes sociais, os vendedores de tapioquinha que conquistaram as tardes doces de Santana

Tapioquinha famosa em Santana
“Não quer tapiocas to fora, pego minha bandeja e vou embora”. Com uma frase bem simples, mas chamativa, que esses três primos acabaram conquistando uma enorme freguesia que se forma e aumenta de tamanho a cada dia através do mundo da internet.

Em meio à crise que atravessamos, eles decidiram buscar seus sustentos no comércio de uma iguaria regional que fascina milhares de brasileiros, principalmente o caboclo nortista: a popular tapioquinha doce. Adrilan Magalhães, Gean Vítor e Jeferson Acher são daqueles jovens obstinados a crescer com seus objetivos, independente das dificuldades que vivemos. 

Tanto que levaram o seu principal produto comercial para dentro das redes sociais, propagando de uma maneira tão simplória que em menos de 24 horas já haviam mais de 520 compartilhamentos que falavam dessa delícia saboreada com o cafezinho da tarde. 

“Já temos um bom tempo nesse ramo de vendas de tapioca, mas aí decidimos pedir um apoio para os amigos pelas redes sociais e isso acabou dando uma boa repercussão para nós”, disse Jeferson Acher ao blog. 

O sucesso tomado pelos primos é tão grande que diversas pessoas chegam a fazer encomendas de tapioquinha da capital, já que os primos residem no bairro Nova Brasília, em Santana. 

“Costumamos chamar nossas tapioquinhas de ‘o céu em forma de lanche’ então pense bem, vc não vai querer deixar de prová-las”, assim descreve na mensagem postada por Jeferson em sua página no Facebook. 

Aqueles que desejarem saborear essa doçura vendida por esses primos, basta entrar em contato através do whatsapp ou por SMS pelos números: 991650576 - 991825351 ou 991407209. 

Também podem fazer encomendas através do Facebook, pela conta de Jeferson Amim. Cada tapioquinha sai ao preço simbólico de R$ 2 (saindo três tapiocas por R$ 5).

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas