Morto no interior do Pará, um dos acusados da morte de Sargento da PM do Amapá

A Polícia Militar do Pará confirmou a morte de Andrey dos Santos Batista, de 19 anos, acusado de participar do homicídio do Sargento PM Agenildo Quaresma Júnior, de 35 anos, no último dia 23 de outubro

Uma denúncia anônima dava conta de que Andrey estaria escondido em uma residência localizada no rio Macujubim, no município de Breves, no Estado do Pará. 

Segundo informações, nas primeiras horas deste domingo (13/11), uma equipe de policiais militares se deslocou até o local para averiguar o fato. Chegando lá constataram que o acusado se encontrava escondido em uma residência. 

SGT PM Agenildo morto no último dia 23 de outubro
Os policiais fizeram o cerco na casa, mas não conseguiram a rendição do acusado, que ao perceber a aproximação dos policiais, teria efetuado um disparo de espingarda contra eles, que revidaram, atingindo Andrey fatalmente. 

Os policiais ainda prestaram os primeiros socorros e depois levaram o acusado para o hospital da cidade de Breves, onde não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. 

Ainda de acordo com informações, a família de Andrey, que reside no município de Santana – cidade amapaense onde aconteceu a morte do Sargento PM Agenildo – teria registrado a morte do acusado na 1ª Delegacia de Santana. 

Vale ressaltar que a polícia paraense já havia prendido no último dia 04 de novembro, outro envolvido na morte do Sargento Agenildo. Cleber Pantoja de Lima, de 22 anos, foi preso no município de Santarém (PA) após denúncia anônima e recambiado para Macapá essa semana, onde espera agora por julgamento.

Reportagem: Paulo Rogério

Comentários

Postagens mais visitadas