Para construção de Centro Esportivo, antiga área de estocagem de minérios passa por limpeza

A Prefeitura de Santana, através da Secretaria Municipal de Obras Públicas e Serviços Urbanos (Semop), iniciou na manhã desta quinta-feira (08/06) os trabalhos de limpeza e retirada do minério depositado pela empresa Zamin Amapá Mineração S/A na área, localizada na Avenida Santana, onde deverá ser construído o Centro de Iniciação Esportiva (CEI). 

De acordo com o secretário da Semop, Juscelino Alves, o município fará a limpeza do local e a retirada do minério em parceria com o Governo do Estado. 

“O Município está fazendo a limpeza, retirada de mato e entulho. Logo após essa etapa, o Estado entrará com o maquinário para remanejar o minério do local e assim que esse serviço for concluído iniciaremos a obra”, explicou. 

Orçado em mais de R$ 4 milhões, através de emendas, o projeto foi criado pelo Ministério do Esporte durante o período dos Jogos Olímpicos. 

Equivalente a um estádio de futebol, o Centro terá uma área de 7.500 mil m², contendo quadra poliesportiva para basquete, voleibol, futsal, handebol e outras modalidades. 

Uma licitação foi feita em dezembro de 2015 e a empresa ganhadora recebeu a ordem de serviço em 12 de abril de 2016. No entanto, devido à área estar servindo de depósito de minério, as obras tiveram que ser paralisadas. 

Segundo o secretário, o município tem até o dia 30 de junho para iniciar a obra, caso contrário poderá perder o dinheiro do convênio. 

O coordenador de serviços urbanos, Renê Mota, disse que o trabalho iniciou no dia 5 de junho com a raspagem do terreno, podagem de árvores e retirada de entulhos. 

“Esperamos cumprir cada etapa o mais rápido possível, para garantir que a obra inicie dentro do prazo determinado”, salientou. 

O coordenador ressaltou que após a retirada do minério, a prefeitura fará a locação e topografia do terreno.

Comentários

Postagens mais visitadas