Horodina: a Dona de casa campeã em diplomar filhos políticos

Dona Horodina Nogueira, hoje com 79 anos
O município de Santana é a segunda cidade mais populosa do Amapá. Neste município a política é muito forte. São pouco mais de 100 mil habitantes, que todo ano político se doam para fazer seus candidatos eleitos. 

Para dona Horodina Nogueira de Sousa, a política não faz parte só da vida dela, e sim de toda a família. Ela tem olhar sereno, casada, mãe de 06 mulheres e de 04 homens. 

No último dia 15 de dezembro completou 79 anos de vida. A história dela é cheia de momentos marcantes, principalmente na política. Ela é uma das pioneiras do bairro central de Santana. 

“Mesmo com pouca escolaridade e com muita dificuldade eu venci. Vim do Município de Gurupá com apenas dois dos meus dez filhos (Socorro e Paulo). Aqui já nasceram os outros oito filhos (Sérgio, Antônio, Maria, Zé Luiz, Nazaré, Cléia, Isabel e Eli Nogueira)”, lembrou dona Horodina. 

Família de "políticos", formada pela guerreira Horondina
Hoje, aposentada, carrega consigo o orgulho de ter diplomado, na política, 04 de seus 10 filhos que se submeteram ao sufrágio popular. Ao todo, já foram 13 diplomações. 

A primeira diplomação foi do ex-prefeito de Santana, Antônio Nogueira, como vereador, em 1996. Depois ainda o diplomou por mais quatro vezes: mais uma como vereador, uma como deputado federal e, as últimas duas, como prefeito. 

Em seguida, foi a vez de diplomar Zé Luiz Nogueira: Conselheiro Tutelar (duas vezes); Vereador (duas vezes) e uma como deputado estadual. E, dando continuidade à série de diplomação, chegou o momento de Maria Nogueira, para o Conselho Tutelar, também por duas vezes, sempre celebrando a maior votação dentre os concorrentes. 

Para finalizar essa jornada, até 2016, foi diplomada a filha primogênita, Socorro Nogueira, como Vereadora, que tomará posse no próximo dia 1º de janeiro. 

Em Santana, ela é a campeã em diplomar filhos em pleitos eleitoras distintos, mas há quem diga que não existe outro registro no estado do Amapá, de mãe que tenha alcançado tal feito, em vida. 

Perguntado pela nossa reportagem se ela ainda pretende diplomar mais vezes algum dos seus filhos, Dona Horodina respondeu, sabiamente: “Se eu ainda estiver viva...”.

Comentários

Postagens mais visitadas