"Noite sangrenta" marcam o final de semana em Santana

Envolvido socorrido no hospital
A noite do último sábado (06/06) deu muito trabalho aos agentes da Segurança Pública do município de Santana. 

As festas que se espalharam pelos quatro cantos da cidade, fomentaram a violência, principalmente entre gangues rivais. E um homem identificado pelo nome de Elias do Socorro Sarmento, teria praticado um assalto a um salão de beleza, localizado no bairro Nova Brasília, mas ao tentar fugir do local levou um tiro na cabeça, disparado por um homem ainda não identificado. 

Ele ainda foi socorrido e chegou vivo no Pronto Socorro de Santana, mas não resistiu e morreu em consequência do grave ferimento. 

De acordo com o 4º Batalhão da Polícia Militar de Santana, Elias portava um revólver calibre 38 (com três munições), R$ 60 reais e dois (02) celulares. 

Encontro de Gangues
Já em uma festa do artista brasiliense “Hungria Hip-Hop” (cantor e compositor de rap ostentação), que estava ocorrendo no balneário denominado “Parque do Grego”, atraiu a atenção de elementos de gangues, que promoveram uma grande baderna durante o show. 

De acordo com algumas pessoas que foram ao evento apenas para se divertir, alguns jovens bagunçaram no interior da casa de show, a ponto de forçar o cantor a deixar o palco, encerrando a festa. A baderna continuou fora de lá. 

Gangues rivais se confrontaram e o jovem Leverson Fabrício da Silva Benício, de 20 anos, acabou levando um tiro no peito. 

Ele foi socorrido e levado ao Pronto Socorro, onde continua internado. A polícia informou que a vítima não corre risco de morte. 

Reportagem de Paulo Rogério

Comentários

  1. Eram 5 cartuchos sendo 3 deflagrados e 2 intactos. O indivíduo efetuou 3 disparos z

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas